Aluna de escrita criativa do b_arco vence Prêmio São Paulo de Literatura 2018

Aluna de escrita criativa do b_arco vence Prêmio São Paulo de Literatura 2018

A jovem escritora Aline Bei ganhou o prêmio de Melhor Livro do Ano – Estreantes com menos de 40 anos, com “O peso do pássaro morto” (Nós), que desenvolveu na Oficina de Escrita Criativa coordenada por Marcelino Freire no b_arco.

A cerimônia de entrega aconteceu na última segunda-feira (5), na Biblioteca Parque Villa-Lobos, em São Paulo.

Criado em 2008 pelo governo do Estado e inspirado no Man Booker, principal distinção da literatura britânica, o Prêmio São Paulo de Literatura é o maior do país em valor individual.

A narrativa acompanha a história de uma mulher que, dos 8 aos 52 tenta, com todas as forças, não coincidir apenas com a dor de que é feita. Um livro denso e leve, violento e poético, “simultaneamente claridade de vidro e ponta aguda de faca”, diz-nos a orelha de Micheliny Verunschk. Afiado, O peso é feito de palavras e do vazio que elas desenham na página. No silêncio, no corte, o livro comprova que a dor e a poesia estão nos detalhes. Não poderia ser de outro jeito um livro que nasce com a morte de um canário, nas mãos, “minha mãe pediu pra cortar a unha dele. E ele morreu, de susto”, conta Aline.

A escritora paulistana nasceu em 1987, é formada em Letras e em Artes Cênicas, editora e colunista do site cultural OitavaArte.

Há 11 anos, o escritor Marcelino Freire coordena a Oficina de Escrita Criativa no b_arco, formando toda uma geração de novos escritores e centenas de livros publicados.

Fechar Menu
Close Panel