O Trio Que Chora apresenta sua diversidade rítmica no b_arco

A diversidade rítmica e a descontração fazem do Trio Que Chora sua marca registrada.E é com descontração e muita percussão que este Trio, feminino, fecha a temporada de outono deste ano, a convite de Caito Marcondes, no b_arco.


Trio que Chora(Foto A. Brasiliano)

 
 
 
 
 
 
 
Além da flauta, do violão sete cordas e do pandeiro o Trio utiliza em suas apresentações vários instrumentos de percussão, o que torna o espetáculo descontraído, alegre,  vibrante e ritmado, impulsionando a participação da plateia.

Em 2011, o Trio que Chora foi selecionado  pela Secretaria de Estado da Cultura,  para a gravação de CD inédito. O CD “Setembro”,  lançado em 2012, tem 12 faixas que  privilegia  autores contemporâneos e clássicos do choro tradicional, com arranjos  idealizados pelo Trio. Os arranjos trazem uma roupagem moderna, visitando diversos ritmos nacionais. O choro é a base, síntese e multiplicidade do CD, mas também passeia pelos distintos ritmos brasileiros como o samba, o baião, o forró e a ciranda.

O Trio que Chora é composto pelas instrumentistas Marta Ozzetti (flauta), Rosana Bergamasco (violão sete cordas) e Cássia Maria (percussão).

No repertório, peças de compositores tradicionais com arranjos do próprio Trio, músicas de compositores contemporâneos e canções resgatadas do imaginário popular.

Sobre os músicos:

Marta Ozzetti – flauta

Tem se dedicado ao longo de sua carreira à música instrumental, seguindo a tendência de unir o erudito e o popular. É integrante da Orquestra Jazz Sinfônica e forma com a pianista Karin Fernandes o Duo de Flauta e Piano. Mestre em flauta transversal, já foi professora na Universidade Livre de Música e atualmente dá aulas no Centro de Estudos Musicais Tom Jobim.

Rosana Bergamasco – violão sete cordas

Bacharel em violão erudito pela Unicsul, é também integrante do grupo “Chorando por Aí”. Atuou como professora na Universidade Livre de Música e do Projeto Guri e hoje desenvolve trabalhos pedagógicos na EMIA – Escola Municipal de Iniciação Artística.

Cássia Maria – percussão

Percussionista reconhecida na cena musical paulista, integra também os grupos, Choro de Moça e Vozes Bugras. Formada em educação artística com Pós-graduação na Faculdade Cantareira em Ensino de Educação Musical nas Escolas. É professora  de música na Escola Nova Lourenço Castanho, especializada em oficinas de educação musical e percussão. Em 2008, lançou o CD “De Cara pro Sol”, interpretando canções de sua  autoria.

Haverá o lançamento do CD do grupo.

Serviço

29  de novembro  sexta-feira, a partir das 21h30, no b_arco

ingressos a R$ 20 | meia para estudantes e maiores de 60 anos

60 lugares

b_arco

Rua Dr. Virgílio de Carvalho Pinto, 426 | Pinheiros | São Paulo | SP

Estacionamento ao lado

Informações. 11 3081-6986

 
 

Fechar Menu
Close Panel