\blog

Curador e pesquisador irá ministrar curso sobre a crise de representação nas artes visuais, selecionou 5 vídeos – filmes e uma entrevista – para incitar a discussão sobre arte e política no Brasil 

Na próxima semana, pesquisador e curador de arte contemporânea da Fundação Joaquim Nabuco, Moacir dos Anjos, irá ministrar o curso online A Representação das Sobras – Arte e Política no Brasil do Século XXI“, no b_arco. No curso, Moacir irá discutir a crise de representação em nosso país, tendo como objetivo caracterizar essa crise no âmbito das artes visuais e mapear suas implicações em termos artísticos e também políticos.

 

Para pensar  como os artistas brasileiros estão trazendo para seus trabalhos a representação das minoria e subjetividades antes pouco representadas na política e na arte brasileira, tais como as populações indígenas, os encarcerados, os loucos, a população LGBTQI+, os negros, os imigrantes, os pobres, etc. Moacir preparou esta lista de vídeos, que inclui filmes, curtas e entrevistas para refletir sobre estas relações entre arte e política.

 

1- Mello, Thiago Martins de. Bárbara Balaclava (2016) – filme, 15 minutos

2- Andrade, Joaquim Pedro de Andrade. O mestre de Apipucos (1959) – Filme, 9 minutos

3 Carelli, Vincent. Martírio (2018) – filme, 2 horas e 41 minutos 

4- Bulbul, Zózimo. Alma do Olho (1974) – filme, 11 minutos

5- Wisnik, José Miguel. Maquinação do mundo: Drummond e a mineração. São Paulo: Companhia das Letras, 2018. Há uma entrevista com o autor sobre o assunto do livro disponível aqui