\blog

Cineasta que dirigiu “Cinema, aspirinas e urubus” irá ministrar curso dedicado à criação do personagem no audiovisual, na programação #b_arcoemcasa

Marcelo Gomes estreou na direção de longa-metragens com o aclamado “Cinema, aspirinas e urubus” e desde então vem construindo uma das carreiras mais brilhantes do cinema nacional. O cineasta pernambucano, que irá ministrar o curso online “A Criação do Personagem”, iniciando no próximo dia 08, compartilhou com o blog do b_arco as suas maiores inspirações no cinema. 

Enquanto se preparam para o curso que pretende disponibilizar as principais ferramentas para a construção de um personagem em obra audiovisual, do roteiro à montagem, os interessados podem assistir aos filmes desta bela lista das referências para o cinema de Marcelo Gomes, confira:

1 – Vinhas da ira – 1940 – John Ford 

 2 – Deus e o Diabo na Terra do Sol – 1964 – Glauber Rocha

3 – Iracema uma transamazônica – 1976 – Jorge Bodansky e Orlando Senna

4 – Gosto de Cereja – 1997 – Abbas Kiarostami 

5 – La Ciénega – 2001 – Lucrecia Martel

6 – O Segredo das Águas  – 2014 – Naomi Kawase 

7 – Toni Erdman – 2016 – Maren Ade