\blog

Em 25 de junho desse ano, perdemos Suzana Amaral, cineasta e roteirista que teve grande visibilidade no Brasil e no Mundo com filmes como “A Hora da Estrela”, “Hotel Atlântico”, “Uma Vida em Segredo”, entre outros.

Como homenagem à esse grande ícone do cinema nacional, resolvemos relembrar e reviver esse momento de conversa com Suzana, mediada pela jornalista Flávia Guerra e o roteirista Ricardo Tiezzi, no b_arco.

Na entrevista, a diretora comenta sobre seu processo criativo, bem como a relação do seu trabalho com a equipe de filmagem e com a atuação, para a construção dos personagens.