Luciana Baptista trabalha há 19 anos no mercado audiovisual, em produções de curtas, longas-metragens e séries pra TV. Atua como Assistente de Direção para projetos de conteúdo desde o longa-metragem “Nina” em 2002.
Assina como Diretora Assistente o filme Na Quebrada, de Fernando Grostein Andrade; Coordenadora de Direção dos filmes: O Lobo Atrás da Porta, de Fernando Coimbra; Até que a sorte nos separe, de Roberto Santucci, entre outros. Foi coordenadora do Depto de Direção da série FDP – HBO Latin America, dos diretores Adriano Civita, Caito Ortiz, Johnny Araújo e Kátia Lund nos 13 episódios da 1ª temporada;

Foi 1ª Assistente de Direção dos longas-metragens Laços – Turma da Mônica e Bingo – O Rei das Manhãs, de Daniel Rezende; Brincante, de Walter Carvalho; Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios, de Beto Brant e Renato Ciasca; Bruna Surfistinha, de Marcus Vinícius Baldini (dividindo a 1ª Assistência de Direção com Gabriela Ribeiro), entre outros. Também assina como 1ª Assistente de Direção das séries Carcereiros (1ª 2ª Temporada) – Gullane Filmes e TV Globo, com os Diretores José Eduardo Belmonte, Fernando Grostein Andrade, Philippe Barcinski, Dennison Ramalho e Aly Muritiba; Nem Vem Que Não Tem – Casablanca com Fox, diretores André Pellenz e Marcus Baldini; Condomínio Jaqueline – Coração da Selva e TV Cultura, direção de Jeferson De; O Homem da sua vida – Gullane Filmes e HBO, Direção Geral Daniel Rezende, com os diretores Pedro Amorim e Fernando Coimbra); A série Ninguém tá olhando de Daniel Rezende e Gullane Filmes para Netflix; Helem de André Meirelles Colazzi na Prosperidade Filmes, entre outros.

Eventos nos quais esta pessoa está envolvida:

assine a newsletter do b_arco

Fechar Menu